Get Adobe Flash player
Anticor - Anticorrupção na França
Galeria Edemar Cid Ferreira
Home Sala dos Escândalos Escândalo da Usina de Itaipu

postheadericon Escândalo da Usina de Itaipu

AddThis Social Bookmark Button

A Polícia Federal concluiu no inquérito da chamada Operação Castores que não houve prejuízo para Itaipu porque o golpe não foi concretizado -a ação da PF ocorreu durante a preparação. A apuração foi solicitada pela Itaipu Binacional. O ex-funcionário Laércio Pedroso conhecia detalhadamente a contabilidade da Itaipu porque tinha um sobrinho que trabalhava na PriceWaterhouse, empresa que fazia auditorias nas contas da hidrelétrica, apurou a PF. Mas um diretor da área de energia da Alstom no Brasil, o engenheiro Osvaldo Panzarini, foi preso há dois anos pela Polícia Federal sob suspeita de participar de um esquema de golpes contra Itaipu Binacional, Furnas, Eletronorte e Eletrosul.


O golpe era complexo. O ex-funcionário de Itaipu, Laércio Pedroso, dizia a empresas que vendiam produtos ou prestavam serviços a hidrelétricas que elas tinham direito a receber valores que essas companhias não reconheciam - seriam restos a pagar corrigidos. Pedroso dizia ter meios de fazer a empresa pagar. O diretor da Alstom foi flagrado em conversas telefônicas combinando um golpe contra a Itaipu Binacional, mas o caso não deve ter maiores implicações criminais.


Na Eletronorte, a Alstom aparece em outra ponta da investigação da Operação Castores, sobre a Eletronorte. Um assessor do senador Valdir Raupp (PMDB-RO), José Roberto Paquier, foi apanhado numa conversa telefônica com um funcionário da Alstom, na qual ele pede dinheiro para liberar um pagamento da Eletronorte para a empresa francesa. Raupp demitiu Paquier. Segundo a PF, não havia indícios da participação de Raupp na cobrança de propina. Telefonemas gravados e documentos apreendidos pela PF com o então assessor do senador trazem indícios de que a Alstom pagou propina para receber por turbinas que vendera para a Eletronorte. Essa investigação ainda não foi concluída pela polícia.


LINKS RELACIONADOS 

 

PF apura suposta propina a Raupp e a irmão de Palocci

Assessor de tucano preso pela PF é libertado

PF prende assessor de tucano que faltou a depoimento

Assessor de senador preso pela PF ocupava funções estratégicas

Assessor de senador é preso sob suspeita de corrupção em estatal de energia

PF faz operação contra corrupção em estatais de energia

PF vê propina da Alstom em lista com nome de senador

Empresas e Raupp não se manifestam

Alstom pagou políticos via offshore, diz PF

Há 2 anos, diretor da empresa no país foi preso por suspeita de participar de golpes

Suposto líder de esquema contra Itaipu fica preso

PF prende suspeitos de golpe em Itaipu




 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar